Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Segunda-feira, 26 de Novembro, 2012

A vida tem destas coisas. Há pessoas que se afastam tanto de nós (e não estou a referir-me só à distância geográfica) que, por vezes, damos por nós a pensar: «como raio, algum dia, essa pessoa foi uma tão grande amiga?». Sucede comigo e, infelizmente, por diversas vezes. Há sempre o outro lado de olhar para a questão - como eu gosto de fazer este exercício - que, de certa forma, este afastamento estará relacionado com o nosso crescimento. E não tem problema nenhum termos crescido em direcções opostas. Bem pelo contrário.

 

Mas não deixo de identificar pontos da personalidade das pessoas que sempre estiveram lá. E que eu, pelos mais diversos motivos, não conseguia vislumbrar «com olhinhos de ver». O egoísmo é das "qualidades" que me faz mais confusão. Talvez porque não tem muito a ver comigo. E essa é uma daquelas características que esses outrora amigos nunca perdem. Bem pelo contrário, vão apurando. Faz-me confusão. E faz-me mais confusão ainda acharem que, ao fim de todo este tempo, os outros elementos do grupo não tenham olhos na cara. E por que raio eu aturo semelhantes atitudes? Porque uma ovelha não faz o rebanho. E, felizmente, tenho no grupo bons e excelentes amigos. Daqueles para o resto da vida. Mesmo. O que há a fazer? Ignorar os egoístas. Não lhes dar grande troco. E sim, é o que tenho feito desde o momento que nos afastámos - por decisão, unilateral, da outra parte. Só gostava que me deixasse de afectar tanto pelo seu egoísmo... isso é que era!

tags:
publicado por K às 13:29

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)