Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Quarta-feira, 08 de Agosto, 2012

Quando fiz A viagem tive a oportunidade de fazer a caminhada de quase 20 km neste vulcão, o Tongariro (que sempre chamei de Tongarino, ou não fosse eu uma autêntica troca tintas). Apesar dos meus joelhos se terem ressentido (confesso que houve ali um ou outro momento em que pensei desistir, nem que me fossem buscar de helicóptero) foi, sem qualquer dúvida, algo que adorei fazer.

 

Eis algumas recordações desse dia - se observarem com atenção, conseguem-se ver "formiguinhas" a fazer a caminhada (sim, incluindo na última fotografia, bem lá no "topo").

 

 

 

 

Há dois dias o Tongariro acordou (depois de 115 anos adormecido), lançando cinza e rocha (notícia aqui). Até ver ainda sem lava e sem magoar quem quer que fosse (foi uma sorte, digo eu, ter sido durante a noite).

tags: ,
publicado por K às 16:23

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)