Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Sexta-feira, 29 de Junho, 2012

Obrigada à Comercial e à Caderneta de Cromos.

Hoje recordaram UM dos meus filmes de top. E sim, é uma das razões principais por eu gostar de comédias românticas.

 

Não sei quantas vezes o revi. Sei imensos diálogos de cor. E o que é pior (ou melhor) "evangelizei" imensos amigos, contagiando-os com o espírito do filme. Billy Crystal e Meg Ryan (que viria, mais tarde, a tornar-se a "rainha" das comédias românticas), dirigidos pelo grande Rob Reiner, vestem a pele do casal de amigos mais improvável. Nora Ephron escreveu o que acabaram por se tornar cenas absolutamente memoráveis (mais tarde haveria de continuar na mesma linha, com o "Sleepless in Seattle" e "You've got mail", por exemplo). Não só a cena do orgasmo no restaurante (*) ficaram para a história. Ainda hoje há coisas que me lembro, por vezes, nas alturas mais inusitadas. Para muitos homens, é a saga dos Padrinhos e as suas "falas" que repetem, quando mais se adequa. Comigo e em algumas alturas da minha vida - mesmo que seja só para mim - é este filme (mais um ou outro).

 

(*) by the way, no final desta cena, a senhora que diz que quer o mesmo que a Sally Albright, Meg Ryan, está a tomar é a mãe do realizador, Rob Reiner.

 

When Harry met Sally - trailer

 

E a banda sonora fabulástica. Eis um exemplo:

Harry Connick Jr - It had to be you (soundtrack: When Harry Met Sally)

publicado por K às 12:57

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)