Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Terça-feira, 07 de Julho, 2009

A propósito disto... até ver estou a falhar redondamente... será que é bom sinal? Não faço ideia. O melhor é não pensar mais no assunto, «que será... será».

Relativamente à outra razão das minhas neuras recentes (por exemplo, apesar de, nos últimos tempos, os episódios muito tristes têm sido uma constante, mesmo e só me apetece mandar tudo às urtigas), a coisa continua... e sem que consiga vislumbrar grandes melhorias. O que não ajuda, mesmo nada, à mudança de estado de espírito, ou seja, terminar das neuras.
Quanto a este tema, cada dia que passa, acho que o problema está em mim (e não nos outros, o mundo não pode estar todo mal!!!)... talvez pela minha impaciência. Não conformismo. Acima de tudo, pela forma como vejo que os assuntos são tratados. Eu é que estou errada... se me junto "à maralha"? - visto que é impossível vencê-los - Não me parece. Não que tenha grandes hipóteses... enfim, melhores dias se seguirão.

Quanto ao primeiro assunto. A verdade é que basta a palavrinha mágica e, de imediato, esqueço-me de todas as resoluções que tinha delineado. Fraca? Talvez. Mas, já diziam os outros, vida há só uma. Até ver, esta é a minha. E, provavelmente, se pensar menos no assunto e, simplesmente, deixar rolar, será melhor para mim. Não fico velha (de tanto reflectir, sem que isso me leve a bom porto). O que vier, vou aproveitar. O resto? Logo se vê.

(Isto hoje, para não variar, está repetitivo e sem nexo... mas... fazer o quê?) 

tags:
publicado por K às 23:14

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)