Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Quinta-feira, 15 de Março, 2012

Essa coisa que alguém inventou e que não dá com nada, diz até que faz mal à saúde, a megera, chamada ansiedade tem andado, também, por estes lados.

 

Pensando bem, nem se entende muito bem porquê...

Seja porque nunca mais sai o (maldito) resultado do teste de Sábado passado - aquele que correu muito mal que, creio, será um grande desapontamento e irá obrigar-me a repetir o teste.

Seja porque há, ainda, muito estudo pela frente para me preparar para o próximo Sábado.

Seja porque estou no último dia de trabalho, antes de "férias forçadas", o que significa o quádruplo do trabalho, para tudo ficar encaminhado.

Seja porque algumas relações aqui no estaminé já tiveram melhores dias.

Seja porque tenho saudades de um tempo que já não volta, nunca mais.

Seja porque não chove.

Seja porque sou mulher e há dias que somos possuídas pela ansiedade... só porque sim.

 

É uma bandida, a ansiedade, é o que é!

tags:
publicado por K às 13:07

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)