Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Quinta-feira, 27 de Outubro, 2011

A "responsabilidade" é nossa. Nós é que habituamos as pessoas, à nossa volta, a termos determinado comportamento, a agirmos de determinada forma e é isso que as pessoas esperam de nós. Nesta fase, a "revolta" tem outros entendimentos. Se simplesmente estivermos fartos de algumas coisas, porque sim, ou por outros motivos ou por essas razões, a verdade é que vão achar que é devido ao período que estamos a passar, aos tempos difíceis que têm sido, estes e os outros. Irão encolher os ombros e vão achar que se trata, apenas, de um devaneio (muito) passageiro.

E... se não for?

Repito, a "culpa" (e não se trata de apurar quem tem mais ou menos responsabilidade ou sequer culpabilidade) é minha, acima de tudo. Mas... o que interessa, afinal, não é o resultado final? Apenas e só... isso?

 

Que eu constate que, à minha volta, existem imensas pessoas que se desresponsabilizaram, porque eu permiti, deixei e até incentivei, em algumas situações, é uma coisa. Agora... continuar a deixar que isso suceda... é aquela velha história de permanecer no erro é que está a ignorância.

 

E depois de tomarmos consciência de uma série de coisas, como conseguimos levar as coisas "como se nada fosse"? Não consigo fazê-lo, logo eu.

tags: ,
publicado por K às 22:27

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)