Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Segunda-feira, 10 de Outubro, 2011

Sais do trabalho, a correr. Chegas ao hospital, mesmo a tempo de dar um beijinho de boa noite, também a correr, mas, pelo menos, conseguiste.

 

Vais até ao supermercado, a lista de "coisas em falta" já era mais do que muita, não dava para adiar mais.

Ficas toda contente porque:

- das compras associadas a refeições para fazer (sim, para eu cozinhar!) a maioria são de peixe, ficando a carne apenas representada com duas singelas opções - bravo!

- optaste por comprar legumes, em vez de batatas fritas - bravo, outra vez!

- conseguiste resistir, estoicamente, e não cedeste à tentação de comprar inúmeras guloseimas - bravo, bravo, bravo.

Bem vistas as coisas, saldo bastante positivo.

 

Chegas a casa, arrumas as compras e etc., fazes o jantar. A coisa até nem corre mal e ficaste com almoço para amanhã e dia seguinte - outra vez bravo.

 

Nada mal, para uma 2ª Feira.

tags:
publicado por K às 23:11

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)