Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Segunda-feira, 19 de Setembro, 2011

Em quase tudo na vida, quando gosto, gosto mesmo (não gosto só "mais ou menos") e, de forma semelhante, quando não gosto, não gosto. Pronto. Matemática simples, boa? Ou é, ou não é.

Antes de os ver ao vivo, gostava (e muito) dos Cold Play. Como alguns se lembrarão de ter ouvido aqui no estaminé. No entanto, no optimus alive foram A minha grande decepção. E parece que foram poucos, como eu, a não gostar - o que atesta o meu mau feitio, ou melhor dizendo, o meu gosto exigente. Desde então, os "muninos" passaram de um extremo quase ao outro (sem passar pela casa partida, e sem levar os dois mil escudos da praxe - a malta "mai" nova vai estar a leste desta última). Tanto é que, por exemplo, se estou a ouvir rádio no carro e os Toca Frio começam a tocar... vá de, rapidamente, mudar a estação sintonizadora de ondas de rádio. Se tenho pena? Sim. Mas tenho muito mais pena de ter gostado tanto de uma banda que, vai-se a ver, não nos merece. É como nas paixões e amores, bem vistas as coisas, pois então.

tags:
publicado por K às 09:19

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)