Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Terça-feira, 01 de Março, 2011

Hoje foi o primeiro dia da série de tratamentos da quimio. Senti-me um pouco cobarde por não ter lá ido - mais a mais com a folga forçada do trabalho - sempre com aquela desculpa que só deixam lá estar um acompanhante e o meu pai estava lá. É inevitável. Sentir-me assim. Ia ligando de hora a hora. Tanto um como outro pareceram-me bem (de voz). Até terem chegado a casa ia acompanhando a situação (à distância é sempre mais fácil). Assim é fácil dar força e ânimo e tal e coiso. Durante a tarde resolvi não chateá-los. O mais provável é terem estado a descansar.
Será o primeiro de uma série deles. Vai correr tudo bem. Será complicado, por vezes. Bem sei. Serão algumas semanas atribuladas. Com inúmeros efeitos secundários. Alguns bem visíveis, outros bastante camuflados. Cá vamos, então. No final, o que sei e não tenho a menor dúvida, é que a minha mãe vai conseguir dar um pontapé, dos grandes, ao estúpido do cancro que a tem andado a chatear nos últimos anos, de forma a que não volte a importunar-nos mais.

O meu pai? Vai, também, aguentando o barco. São os dois uns autênticos heróis. Mesmo. E tenho imensa sorte em tê-los como meus pais. A ambos.

tags: ,
publicado por K às 18:37

Vai correr bem :)
Eles são muito fortes de facto, um verdadeiro exemplo a seguir...

Muita força!

Um beijo grande para os três...
Lisete a 1 de Março de 2011 às 23:28


mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)