Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Quinta-feira, 10 de Fevereiro, 2011
Estou a ultimar uma apresentação, em inglês, para ser enviada, daqui a nada
ao tipo que a vai apresentar na próxima semana. Como ando cansada e sou
bastante coerente, tanto sou disléxica a escrever em portugues, como em
inglês. É giro, constatar esta coerência. São tantas as letras trocas... oh
mon Dieu...
Depois tenho de preparar a reunião de amanhã, responder a uns e-mails,
aprovar outros documentos, eu sei lá o que ainda está na lista do "to do"
hoje.
Será, para não variar, uma tarde preenchida, despacha um assunto, arruma com
o outro, venha o seguinte. Sempre a abrir, não pára.
Diz que está um dia lindo lá fora. Apetecia-me estar a apanhar banhos de
sol, muito bem acompanhada, naturalmente, e a gozar o merecido descanso.
Fiquei em estado de choque quando me apercebi que está a fazer um ano desde
que fui de férias. (E que saudades dessas férias). Não admira que ande a
trocar tudo e, basicamente, completamente esgotada. Às tantas, vou ver se
este fim-de-semana fico "sugadita" a descansar. Dolce far niente. 'Bora ver.
publicado por K às 14:20

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)