Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Segunda-feira, 23 de Março, 2009

Acabei de chegar a casa. Estou de rastos, mesmo. Mas sabe tão bem... É aquele cansaço físico que nos deixa derreadas, mas com a sensação boa de objectivo atingido... tão bom!!!! Estou a gostar imenso, sim é certo que hoje foi a primeira aula do nível dois, never the less, está a correr bem, faz muito bem ao ego, sai-se de lá com "alto astral" (tudo o que eu preciso). Mesmo quando as coisas não correm bem à primeira, como tudo na vida, vimos o que estamos a fazer mal, corrigimos e... a seguir sai tudo lindamente!!!

Já disse que me sinto a pairar? (ok, agora por motivos, ligeiramente, distintos do post anterior... mas isso agora não interessa nada).
É bom termos momentos assim, que nos enchem as medidas, que nos fazem ver que vale a pena, mesmo sabendo que "nem tudo vai bem" (já cantava o outro). Ajuda-nos a não cairmos em depressão, a não desmoralizarmos e, essencialmente, a não desistirmos de nós, a não baixarmos os braços - mesmo que às vezes apeteça atirar com a toalha para o chão, com grande violência, perante as agruras desta vida. São os tais dias... BONS!!!!

tags:
publicado por K às 22:14

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)