Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Sexta-feira, 31 de Dezembro, 2010

Qual a melhor forma de terminar este ano virote? Nada melhor do que um dia virote. E estou a gostar imenso.
Comecei, logo de manhã - sim, dormi muito pouco e logo vou estar de rastos... espero que a tua companhia seja suficiente para me animar... será que estou a ser demasiado exigente? - com uma ida à loja do cidadão. Há imenso tempo que devia lá ter ido actualizar alguns dos meus dados. Primeiro foi a inércia, depois os afazeres e... para não variar, fui deixando as minhas coisas pessoas para 5º plano. Meti na cabeça - depois da porcaria que fiz e cuja missiva recebi esta semana, por ter deixado passar o prazo - que numa série de coisas vou ficar mais egoísta. Vou pensar primeiro em mim em determinados assuntos. Como tal, tinha colocado como objectivo que até ao final deste ano, hoje, portanto, iria resolver esses assuntos pendentes. Arrumar de vez com uma traquitana de coisas que, há muito, devia estar resolvida. Senti um alívio tão grande! Até parece que emagreci uns 4 quilograma! Tive imensa sorte, porque não estava ninguém nas filas. Despachei-me num instantinho.

 

Pelo meio, em conversa com a minha mãe apercebi-me que na noite antes desta passou um mau bocado. Provavelmente provocado pelo maldito comprimido. Ainda está a ressentir-se disso. Esperemos que não seja nada de mais. Não dá para respirar um bocadinho de alívio, não? Raios!


Depois foi altura de fazer de "mãe Natal" com o sobrinho Miguel. Como está cada vez mais crescido, vai sendo mais divertido cada momento juntos. Gostou do presente, mas acho que adorou mais a parte de brincarmos os dois. Sim, naturalmente, teve direito a que a tia brincasse no chão e tudo e tudo. É para isso que servem as tias. E na parte em que ele me pergunta se eu quero que ele compre uns talheres do Ruca para mim? O meu coração derreteu-se todo! A paga foi uma beijoca daquelas bem ruidosas - tenho de aproveitar, antes que chegue aquela fase em que já não quer beijinhos.
Ainda deu para meter um bocadinho da conversa com a C.

De lá sai a voar para o supermercado. Fazer comprinhas para a tarde de trabalho de hoje. Cozinha o tempo todo. A ver se os belos dos queques ficarão em condições para mais logo. Cheguei há pouco. Estou esfomeada, vou fazer qualquer coisa rápido e agarrar-me, com toda a vontade, ao projecto da tarde. Espero que saiam bem.
Pelo caminho recebi uma excelente notícia, mas vai ter direito a post específico.

tags: , ,
publicado por K às 15:42

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)