Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Quarta-feira, 24 de Novembro, 2010

Há momentos na vida de raríssima beleza. Tudo o que possa ser dito para tentar descrevê-los, ou os sentimentos despertados não só não conseguirão transmitir toda a sua magnificência, como apenas servirão para causar ruído. Além de que falta-me o engenho (e a arte) para transmitir um décimo do que senti - e ainda estou em rescaldo - hoje com o elevar do pano.
Nada de mais, dirão uns. Os mais cépticos. Os desiludidos.
Sublime, dirá a facção oposta. Inebriante. Comovente. Farão parte, igualmente, dos adjectivos deste campo.
Sei que há muito não me comovia desta forma. Um lavar de alma.

Depois fico com este ar em que só me apetece esbofetear-me. À primeira vista e para os mais distraídos, parece que estou macambúzia, tristonha. Engano, puro engano. Ainda estou completamente contagiada. Encontro-me a processar tamanha beleza. A dar conta dos múltiplos sentimentos com que fui assaltada. Assim, de rompão. Sem que me tivessem pedido licença ou qualquer tipo de autorização, escrita ou verbal.

Vou até ali, tentar recuperar um pouco. Pode ser que mais depressa do que imagino, consiga voltar a articular palavras com algum nexo - desde quando, K.?

Muito obrigada a quem me proporcionou a oportunidade e, naturalmente, tão boa companhia.

[Actualização: Estou a referir-me a este filme]

publicado por K às 00:22

Fiquei esclarecida :D E guarda o momento - é precioso.
bjs
CL a 24 de Novembro de 2010 às 11:17

Pois eu cada vez percebo menos!:))
O a 24 de Novembro de 2010 às 16:59

Então, O. O que cada vez percebes menos? Conta-nos tudo, pode ser que consigamos esclarecer.
K a 24 de Novembro de 2010 às 18:53

O, tu és homem. É suposto perceberes pouco, ok? hihihihihi
CL a 25 de Novembro de 2010 às 00:03

:)))) vou guardar sim. Naquele lugar especial, para o recordar quando precisar.
K a 24 de Novembro de 2010 às 18:53


mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)