Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Terça-feira, 23 de Novembro, 2010

 

Será que fui suficientemente elucidativa?
E para que não restem dúvidas... Sim, acho uma aberração termos efeites de Natal no São Martinho, mesmo agora no final de Novembro. É um claro apelo ao consumismo que me irrita. Porque adultera, completamente o espírito da coisa. Mas, não quero ir por aí agora. Mas, pensar e fazer a lista de Natal... já é outro assunto completamente distinto ;)

Ah, e já agora, porque não deixar aqui o trailler oficial:

 

Numa altura de crise financeira como esta, que tal fazer do Natal o que é mesmo suposto ser?
E, às tantas, não é o que todos, efectivamente, precisamos: de Amor? (Claro que nas mais variadas formas!)
P.S.: Não se preocupem, isto passa-me depressa!

publicado por K às 07:35

Booooooom diaaaaaaaaaaaaa!!
Olha K, quanto ao Natal vivi-o sempre como ele é suposto ser experimentado. Dou tudo o que tenho por um sorriso.
O a 23 de Novembro de 2010 às 11:24

:D Tu estás lá, O! ;)
K a 23 de Novembro de 2010 às 13:25


mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)