Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Terça-feira, 09 de Novembro, 2010

Tenho andado num virote tal, em termos de actividade profissional que quando chego a casa, completamente de rastos, já não consigo ter ânimo, nem forças, para continuar as mudanças. Agora que tenho quase todas as divisões completamente de pantanas. Apesar da desarrumação geral, a verdade é que, como sei que é para melhor e supostamente temporária, consigo não entrar logo em strec - pelo facto de não conseguir, de uma assentada, concretizar as alterações (não pelo facto da bagunça... LOL). Mas isto, espero, vai acalmar... a julgar pela agenda e compromissos sociais... sou capaz de ter um tempo disponível no Domingo. Vá, riam-se... vidas! É que isto nem sequer é um queixume. Estou só a fazer uma constatação. Pois, eu, para não variar, quero tudo, TUDO a que tenho direito. Continuar as mudanças e não abdicar dos compromissos sociais. Ah, e como, hélàs, tenho de trabalhar - não se percebe... o euromilhões não quer nada comigo (se calhar ajudava se eu jogasse mais amiúde... mas só se calhar) - a verdade é que não sobra muito mais tempo. E está claro comom água que não vou abdicar das minhas (sagradas?) horas de reposição de beleza para ir arrumar a casa. Não me faltava mais nada! É que nem quando a neura é colossal, quanto mais em "estado normal". Admito abrir mão de horas de sono por boas causas. Das voluntárias ou das outras. Tem é de ser boa, a causa.

Estava capaz de fazer uma mudança de visual, mais uma... ou melhor, continuar o que deixei a meio da outra vez. Mas... ainda não consegui decidir-me. Isto é querer ocupar a cabeça com coisas, como se não tivesse mais nada para me "preocupar". Tenho de ir para o "pugrama" de hoje não tarda. Going now.

tags: ,
publicado por K às 21:22

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)