Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Terça-feira, 07 de Setembro, 2010

Já não chegava estarmos a ficar com os dias (horas de luminosidade natural) cada vez menores? Sim, sim, eu bem noto tanto de manhã, como à noite, não penses que me enganas! Agora, assim, de repente, temos de levar com chuva? Olha lá, oh São Pedro, tu não te deixes convencer por aquela malta que não tem o que fazer e está, constantemente, a reclamar de tudo e todos. Não lhes dês ouvidos. Ainda é muito cedo para vir o Outono. Está bem?

Ah e só porque no fim-de-semana passado (há dois dias) eu estava com uma mini-neura e andei a recordar os dias de Inverno, isso não quer dizer que eu tenha dado por terminado o Verão, bem pelo contrário. Ainda há muitos dias de sol que quero gozar e outros tantos de praia. Combinado?

tags:
publicado por K às 09:03

Tenha calma, K. Estive agora a falar com o S. Pedro e foi-me prometido um Outono radioso:)
K e aquilo de ontem nem era chuva.....um borrifo era o que era:)
O a 7 de Setembro de 2010 às 11:13

ÓPTIMOOOOOOO!!!!
'bigada pela informação ;)
K a 7 de Setembro de 2010 às 12:41


mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)