Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Terça-feira, 20 de Abril, 2010
que me anda a apoquentar de há uns dias para cá...
Por que será que, volta na volta, escrevo tudo a rimar?
Como se estivesse a treinar
para as maratonas das quadras dos Santos Populares...
Não se percebe - LOL
Agora e não querendo dar uma de calimero, o que, realmente me intriga são
duas "piquenas" coisinhas. A primeira: porque será que ao fim de quase 2
anos e tal me tenha dado agora, logo agora!, um ataque de herpes. Será que
sou assim tão mazinha e que mereça tal castigo? Não entendo! Oh meu Deus,
porquê? A segunda coisa que me intriga até bastante é, sem dúvida, porque
raio "acordam" todos ao mesmo tempo. Um dos "meninus" que andou mais de
metade do tempo a dormir, inclusivamente, se a memória não me falha a última
vez que estivemos juntos, a convite dele, foi, para aí, há uns 4 meses. Sim,
acredito que ande ocupado. Ontem, manda-me um sms a convidar para hoje irmos
ao cinema (por acaso até devia ser um filme giro de ver) e que não aceitava
um "não" como resposta. Pois, teve azar duas vezes. Primeiro e se tudo
correr bem, é bem capaz de ter chegado tarde de mais - ao contrário de
algumas pessoas não sou de ir alimentando "possíveis opções". Se por alguma
razão estou com os radares orientados para determinada pessoa, não dou azo a
que outros se aproximem do raio de acção: porque não seria justo para
ninguém e porque é completamente desnecessário sair-se magoado deste tipo de
situações. Já bem chega quando as coisas não correm (porque não tem de ser)
pelo melhor - vai daí, naturalmente, levou com a resposta diplomática do
amanhã não posso, já tenho compromisso (mesmo não tendo, pelo menos para
já). Naturalmente que não me agradou nada a ideia de sua excelência achar
que ao fim de quatro meses (por aí) convida e espera que eu esteja aqui
sentadinha à sua espera.
Tudo isto porquê? Porque não se percebe que acordem todos ao mesmo tempo.
Por mesmo é eu não entender porque raio és tão totó, isso sim, é um perfeito
mistério para mim. Sim, gosto de desafios. Não, não sou de baixar os braços
de desistir... pelo menos para já. Mas...
publicado por K às 09:03

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)