Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Segunda-feira, 05 de Abril, 2010

Foi uma brincadeira pegada. Desde desenhos - que pena que eu tenho de não saber desenhar (mas a de não saber cantar consegue ser, ainda, superior) nestas alturas - puzzles (sim, o meu sobrinho já faz, ou tenta, fazê-los - naturalmente dos que são para a idade dele) do Ruca; brincar com o faísca McQueen (um brinquedo simples mas que nos conseguiu entreter-nos durante imenso tempo: há que puxar pela imaginação, a tia K inventou mais umas coisas para tornar a coisa (ainda) mais divertida); órgão electrónico. Depois chegou a hora do banho. Que alegria. E agora, para além dos outros brinquedos, temos umas canetas (especiais) que escrevemos nos azulejos. Sim, a tia voltou a fingir que sabe desenhar (basicamente, vá de fazer todo o meu repertório). Mais brincadeiras após o banho. Jantar. Depois ainda mais umas judiarias. Tanto o pai como a mãe foram unânimes: estava radiante por eu estar ali com ele (eu sei que é por ser "novidade", ou melhor, algo de diferente para quebrar a monotonia - porque de novidade, não há muita). Soube-me muito bem. E sim, vim cansada - porque também não me poupei a esforços. E, esperemos, ter conseguido cansá-lo também bastante.
Já tinha referido que o meu sobrinho é lindooooo? Mais do que um dever cumprido, é uma alegria imensa, estar com ele. Depois, como se deita cedo - há horários a cumprir - dá para por um bocadinho da conversa em dia com a mãe (dele). Já tinha saudades!

publicado por K às 22:43

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)