Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Quinta-feira, 01 de Abril, 2010

para aqui (ou acoli) dizer que a K. está sempre a dizer mal (que digo), aqui fica um post de bem-dizer.
Sabem o que me sucede quando ando com os nervos à flor da pele, assim como nos últimos tempos com trabalho até sei-lá-onde? Sim, agora que já não fumo. Antigamente fumava como se não houvesse amanhã. Agora, dá-me para a gula desmesurada. Ataco especialmente tudo o que tenha chocolate (uma das maravilhas deste mundo e do outro) e quanto mais amargo... melhor. Sim, não me venham cá com chocolate branco. Isso é coisa de fraquinhos. Bom, bom, mesmo muito bom, é o chocolate preto e quanto mais preto melhor. Digo isto depois de ter atacado (mais um) crepe de chocolate - sim, daqueles maravilhosos que colocamos no micro-ondas (essa bela invenção) e passados 90 segundos, eis o dito prontinho. Com aquele cheiro de inebriar e convencer o mais purista e não há dieta que resista. Antes que comece a devorar os outros (crepes), vou sair, bem de fininho, até porque já está na hora da minha reunião. Sim, mesmo tendo dormido poucas horas (este post não é para queixumes) e para a frente é que é o caminho!

publicado por K às 08:38

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)