Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Terça-feira, 23 de Março, 2010

... cinco da manhã. Há quem defenda que de manhã é que começa o dia. E que levantar cedo traz imenso benefícios. E... blá, blá, blá. Será que se aplica a quem se deitou tarde e foi obrigada a madrugar sempre e só devido a compromissos profissionais? Se faz bem à saúde, não sei. Que me faz sentir melhor comigo: cumprindo os compromissos, sem dúvida. Como tal (e isto para elucidar que, pelo menos para já, não estou a queixar-me), here go again!

tags:
publicado por K às 05:37

Deixa tar...eu também me ldeitei tarde e levantei a essa hora...e não foi por motivos profissionais...foi mesmo por o sono ter andado a fazer das dele:s
Maria a 23 de Março de 2010 às 11:06

isso é que já é pior. tens de ver se consegues levar a melhor - sobre o sono (ou a falta dele).

e chegar a esta hora e sentir - vá-se lá saber porquê - que são 16h. por um lado a satisfação de já ter despachado algumas coisas ("orgentes"), por outro saber que há outras (quase) tantas para terminar hoje.
Yap, long, long, day... vidas!
;)
K a 23 de Março de 2010 às 12:06


mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)