Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Quarta-feira, 10 de Março, 2010

Acabei de chegar da ante-estreia da adaptação ao cinema do segundo livro da saga millennium do Stieg Larsson. Infelizmente ainda não li o segundo (nem o terceiro), mas li o primeiro. Como tal, consegui, apanhar o fio à meada, naturalmente, sem qualquer strec. Não vi o primeiro filme, logo, não vou poder fazer qualquer tipo de comparação. Tal como aconteceu com o primeiro livro alguns "detalhes" eu consegui lá chegar, creio, muito antes do resto a pessoas que quase encham o São Jorge (e que desconheciam a coisa). É a continuação do primeiro, o estilo é o mesmo. Talvez um pouco mais violento, ou menos "romanceado". E mais não digo, para não estragar.

Antes da ante-estreia deste filme, tive oportunidade de ver a curta-metragem «As Maltratadas». Parece que já ganhou imensos títulos. Pretende chamar a atenção para o tráfico de mulheres para exploração sexual e, em simultâneo, a violência contra as mulheres - tê-lo visto no dia seguinte ao dia da mulher não deve ser coincidência. Gostei. Apesar (mas deve haver uma explicação lógica) de não entender o porquê de tanto brasileiro...
Agora o que eu não entendo é:
- por que raio ainda não arranjaram maneira de colocar algum tipo de aquecimento no São Jorge? (ou eventualmente, distribuir mantinhas, como nos aviões. Ía congelando (acho que ainda nem recuperei, totalmente). Ainda não sinto muito bem os meus pés e pernas.
Não sei o que é pior: o estado siberiano da sala principal, ou o facto de mais de metade das pessoas terem ido, apenas e só, para serem vistas. Sim, para alimentar a chamada "impressa cor-de-rosa" (do melhor, algumas das personagens que vi). Gostava de poder dizer quem são (e vai daí, talvez não gostasse). Giro, giro foi levantarem-se quase todos assim que começou o filme principal. Foram lá, apenas e só para assistirem à curta (naturalmente não tem problema nenhum, bem pelo contrário) e para serem vistos (alguns continuavam cá fora no final do filme). Do melhor!

publicado por K às 01:00

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)