Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Segunda-feira, 01 de Fevereiro, 2010

Já é a segunda ou terceira vez (e em dias seguidos) que a máquina do café resolve pregar-me um susto. Ou finge que não trabalha: quando eu carregava no belo do botão... nada sucedia, pânico! Resolvi fazer o que se é recomendado quando se tem sistemas operativos do shô Bill: desligar e volta a ligar - felizmente resultou. Ou, como ainda há pouco, começa e não termina de tirar o café. Pânico total! Mesmo. Coloquei outra cápsula e lá saiu o belo do café. E o meu receio é que pelo ruído... dá ideia que está relacionado com a bomba... é que não me faltava mesmo mais nada! Logicamente que terei de ver se tem arranjo (e quanto ficará), mas, a questão é que nesta altura "num" pode nada... mesmo! O fim é outro e... já faltou mais. Portanto, máquina do café, vê lá se paras de me pregar sustos e de te armar em flor de estufa, oki?

tags: ,
publicado por K às 09:02

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)