Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Sábado, 19 de Dezembro, 2009

Não quero ser (mais uma) a apontar o dedo e também a ter um discurso demasiado negativista. No entanto, lamento ter de dizer... eu bem que avisei!
(Detalhe: é muito raro utilizar esta frase, porque, efectivamente, quando algo corre mal a alguém e nós até tínhamos expressado a nossa opinião, a última coisa que as pessoas precisam é de nós lhe recordemos que tínhamos razão e que tínhamos alertado. Manias minhas! Primeiro porque as pessoas têm de passar por algumas coisas, independentemente dos avisos, faz parte do crescimento delas. Depois, porque se somos amigos, cá estamos para emprestar o ombro e mimar. Agora, desta vez e relacionado com este tema... não resisti. Foi mais forte que eu).

E agora?

publicado por K às 15:29

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)