Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Quarta-feira, 16 de Dezembro, 2009

Aqui há uns dias atrás enquanto fazia o percurso casa trabalho fui brindada com um presente no vidro da frente do carro  (descansem, vou poupar-vos os pormenores), deduzindo que se tratava de um passaroco cujos intestinos não estivessem lá muito bom. A primeira suposição pareceu-me perfeitamente lógica, apesar de eu não ter visto o autor do crime: pois, como estava numa via rápida... não poderia vir de mais lado nenhum, excepto do ar; também poderia tratar-se de algo proveniente de um boeing que estivesse, algures, a sobrevoar-me (mas esta hipótese pareceu-me algo... ridícula). A segunda tinha, para mim, toda a lógica (visto que o tal dejecto tinha uma cor... entre o amarelo mais escuro e o cor-de-laranja muito claro). De imediato accionei o limpa pára-brisas. Constatei, para meu horror, que a dita coisa não só não se dissolveu, como se transformou em castanho muuuuuito escuro e... conseguiu impregnar a escova (é a do meu lado, vejam lá a minha sorte), o que deixou um rasto peganhento transparente.
Como sou um ser nada preguiçoso no que toca a estes assuntos (lavar o carro e afins), fui deixando a coisa arrastar. E continua. Mesmo com esta chuva a coisa não se dissolve.
A questão que se impõe é: o passaroco teria comido o quê? Algo feito na bimbi? E... será que vai sair quando (um dia, quem sabe, não muito distante) eu for lavar o carro?

tags: , ,
publicado por K às 08:57

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)