Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Segunda-feira, 30 de Novembro, 2009

Estou a desesperar, a contar os minutos que faltam para me chamarem e, eventualmente, puxarem as orelhas, ou então não... Calhou eu ficar para último, coisa que detesto. Porque isso quer dizer que vou estar o dia inteiro neste strec. Vidas... Cada minuto que passa, aumenta a minha ansiedade. De repente, vejo-me transportada para aqueles momentos prévios ao início de um exame - oh pesadelo!!!! - assim, de repente, lembro-me dos mais terríveis: aerodinâmica; electrónica e instrumentação;... poderia estar aqui o resto do dia...
Não, não acho normal que esteja nesta pilha de nervos. Schiuuuuuu não divulguem. Acima de tudo, sei que quando chegar a minha vez, vou conseguir estar calmíssima e, quem sabe, não meter os pés pelas mãos... 'bora ver. O pior é que, muito provavelmente, não sou chamada a exame antes das 16h ou 17h... já viram o que ainda me espera de angústia? Oh vidaaaaa!!!!

 

Há pelo menos uma boa notícia: o meu "tufone" voltou dos mortos-vivos. Que é como quem diz, o ecrão voltou a ter a luminosidade que deveria. E sim, voltou (tal como quando "desapareceu") sem que alguém (eu!) tivesse feito qualquer coisa. Simplesmente voltou! Está-me cá a parecer que o caramelo (iphone) está a querer passar-me uma mensagem qualquer...
No entanto, continuam a aceitar-se sugestões que ajudem a identificar o problema e, quem sabe, a tentar arranjar soluções, de forma a evitar que volte a suceder. A gerência agradece!

publicado por K às 10:59

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)