Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Domingo, 29 de Novembro, 2009

Avizinha-se mais um dia de preguiça e... tanto.  Mais a mais com os afazeres domésticos pelo meio... vidas! Ah e pelo meio uma excepção: deslocar-me ao escritório com o propósito de preparar (parte) do dia de amanhã.
Eu (também) gosto destes fins-de-semana calminhos, às vezes sabem muito bem.

Se eu vos dissesse o disparate de horas que dormi esta noite... creio que dificilmente acreditavam. É bom estar a voltar ao normal, penso eu de que, mais a mais com a semana alucinante que foi - começou logo com uma directa. Acima de tudo, é óptimo acordar, sem despertador, após ter dormido um-número-proibitivo-de-horas, com a sensação de baterias carregadas na totalidade.

tags:
publicado por K às 12:03

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)