Há dias excelentes, memoráveis. Há também os menos bons. Os marcantes. Os decisivos. Este espaço é, apenas, um conjunto de desabafos fruto dos dias que vou percorrendo e da minha (in)sanidade mental. E, tal como eu... tem dias!

Segunda-feira, 02 de Novembro, 2009

Só a palavra diz tudo: fim-de-semana... claro que só pode ser bom. Este, para não variar... foi assim.
 

Começou com a bela da saída na 6ª. Apesar da música não ter estado à altura de outras noites, valeu pela companhia, que, para variar, foi excelente. Era para ser uma noite só de meninas... mas, acabámos por ficar "desiquilibradas", o que é sempre bom. O D. adorou o pólo que lhe demos, obviamente que terá de usar aquando das saídas no JATAI.
 

Sábado foi calminho o que também sabe muito bem. À parte de ter ido visitar a Cinda ao hospital e ter saído de lá com o coração partido. Custa tanto. E na parte em que ela me dizia que me queria dar um beijinho, claro que não dei parte fraca, e encostei a minha testa à máscara de oxigénio. Mas... é de cortar o coração.
O Sábado terminou com o jantar das meninas (com os respectivos) em casa da AC. A casa dela é fantástica. Para variar, o disparate foi mais que muito, óptimo. Fizemos o sorteio do amigo secreto, também para não fugir à regra teve de ser repetido: o papel a quem o Nuno ía dar não havia maneira de aparecer - quem lhes manda não estar ao pé de nós quando fazemos o sorteio... quem manda não estar a ouvir as conversas de "gaija" que dominam, quase sempre, os assuntos? Lindo...
 

Ontem, como tinha planeado, lá fui fazer o meu passeio de bicicleta pela expo. Foram aproximadamente 15 kms (porque, basicamente, andei a fazer "piscinas"). Na altura não me custaram grande coisa, o que, penso, é absolutamente positivo. Mesmo com algumas "pinguinhas" a caírem, até soube melhor. Claro que tive algumas peripécias, mas faz parte. O conta-quilómetros, não sei porquê, não funciona. Ainda estive algum tempo de volta daquilo, tendo alguns ciclistas - muito simpáticos - oferecido para ajudar. Depois houve a parte em que o pólo que eu levava à cintura resolveu cair e enrolar-se na roda traseira, do melhor. Sim, não caí. Claro que o tirei, sem problema. Ficou foi cheio de óleo - porque já estava junto à corrente - logo, não sei se ficará muito católico.
Ainda ontem ao final do dia já me doía o rabo... porque não levei os calções "próprios" - que têm a parte almofadada - isto, porque já não está muito tempo de calções.
Agora hoje... tenho de confessar, dói ligeiramente mais. Isto passa, que eu sei. E não é nada de mais... Going now que não tarda começa uma meeting.
 

publicado por K às 08:50

mais sobre mim
Gosto de...
Dias de Verão: praia, calor. Dias de Inverno: frio e neve. Família. Amizade sincera. Amor. Cantar a plenos pulmões. Dançar até cair para o lado. Boa gargalhada. Fazer tudo e coisa nenhuma. Música. Bom livro. Bom filme. Gelados. Chiquelates. Café. Chá. Dormir. Acordar com vontade de gozar o dia. Conversar horas a fio. Silêncio. Mar. Lua. Estrelas. Guiar sem destino. Viajar. Fotografia. Cheiro a "chuva molhada". Campo. Cidades. Cães. Ar livre. Futebol. Escrever. Pão quentinho com manteiga. Não dar pelo passar do dia. Férias. Trabalho... (nota: ordem aleatória)